Confira as primeiras nomeações do primeiro escalão do governo Bonifácio

As primeiras nomeações do governo Bonifácio Rocha (PPS) saíram no Diário Oficial do município desta quinta-feira (16). Rocha confirmou a permanência de alguns nome do grupo do prefeito afastado Dinaldo Filho (PSDB). 

Manoel Noia que ocupava a Secretaria de Administração do município e saiu após a exoneração do chefe de Gabinete Múcio Sátyro Filho, preso preventivamente na Operação Cidade Luz. A nomeação de Noia para o Gabinete saiu no Diário Oficial da terça-feira, dia do afastamento de Dinaldo.

Outros nomes da administração Dinaldo vão permanecer e foram anunciados já nesta quinta-feira (16), como é o exemplo de Wendel Palmeira, que já foi coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), secretário adjunto de Saúde do Município de Patos, e atualmente é diretor da Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Wendel foi nomeado pelo prefeito interino Bonifácio Rocha (PPS) secretário da Saúde.

Na Educação, quem vai assumir é a professora Socorro Chaves. Já o secretário de Infraestrutura, Junior Brandão, recém-empossado no cargo, foi exonerado nesta quinta-feira.

No Desenvolvimento Econômico e Habitação, foi confirmado Lamark Leitão, que ora ocupava a mesma secretaria como adjunto de Jardelson Medeiros, outro afastado das atividades públicas pelo Tribunal de Justiça na Operação Cidade Luz.

Outro que ficará no governo remanescente da Gestão Dinaldo é o coordenador de Comunicação Misael Nóbrega. Ele já ocupou cargos na mesma área nas gestões Nabor, Francisca e Lenildo.

Augusto Camboim, foi exonerado do cargo de secretário adjunto Infraestrutura e agora será o titular da pasta na gestão do prefeito Bonifácio Rocha.

Isis Carla saiu da presidência da Fundap e será secretária executiva. Deleon que já era da Fundap será o presidente.

O médico Pedro Augusto Dias Timóteo será coordenador da UPA – Unidade de Pronto Atendimento Otávio Pires de Lacerda.



Debate coloca candidatos em confronto mas saldo não apresenta novidades

O segundo debate entre os cinco candidatos ao Governo do Estado nesta quinta-feira na TV Manaira (BAND) terminou sem nenhum fato extraordinário, apesar dos candidatos de esquerda ( Rama e Tárcio ) se apresentarem mais criticos.

O debate teve momentos de maior enfrentamento entre os três principais candidatos – João Azevedo, José Maranhão e Lucélio Cartaxo.

Com dominio e segurança na condução do debate pela jornalista Rejane Negreiros, o formato do programa reservou um tempo em que alguns candidatos extrapolaram essa condição.

Na TV Manaira o confronto esporádico foi entre João Azevedo e Lucélio Cartaxo.



Com WSCOM

Banco do Nordeste anuncia concurso

Os interessados em compor o quadro funcional do Banco do Nordeste devem ficar atentos. O edital de seleção para os cargos de Analista Bancário (nível médio) e Especialista Técnico – Analista de Sistemas (nível superior) será publicado dentro de um mês, com período de inscrições logo em seguida.

O requisito básico para o cargo de Analista Bancário é ter concluído o ensino de nível médio até a data de término da qualificação para a posse, com certificado emitido por instituição de ensino devidamente reconhecida pelo órgão competente.

Em relação ao cargo de Especialista Técnico – Analista de Sistemas, será necessário que o candidato tenha concluído um dos cursos superiores em nível de graduação ou sequencial de forma específica, reconhecidos pelo Ministério da Educação (MEC): Ciência da Computação, Engenharia da Computação, Engenharia da Informação, Informática, Sistemas de Informações, Tecnologia da Informação, Processamento de Dados, Segurança da Informação, Tecnologia em Telemática; ou ter concluído qualquer outro curso superior, em nível de graduação, reconhecido pelo MEC, desde que tenha concluído também curso de pós-graduação (stricto ou lato sensu) na área de Informática e/ou Segurança da Informação, com carga horária mínima de 360 horas.

Os candidatos selecionados poderão compor o quadro de funcionários do Banco do Nordeste, que possui hoje 292 agências distribuídas em todo o Nordeste, além do norte de Minas Gerais e norte do Espírito Santo. O BNB é o banco de desenvolvimento da região, atuando com crédito de longo prazo e com programas de microfinanças urbana (Crediamigo) e rural (Agroamigo). No crédito de longo prazo, o Banco é o operador exclusivo do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE). Somente este ano, a instituição, que possui mais de 4 milhões de clientes, já aplicou volume superior a R$ 19 bilhões na economia regional.

MaisPB

5 coisas que podem acontecer ao parar de ingerir anticoncepcional

As inúmeras alternativas disponíveis no mercado para evitar uma gravidez indesejada e até tratar algumas doenças têm motivado meninas e mulheres a deixarem de lado o uso da pílula anticoncepcional. Entretanto, a suspensão do medicamento pode apresentar algumas mudanças no organismo das mulheres que acontece devido à readaptação das alterações dos hormônios.

Abaixo, a ginecologista e obstetra de São Paulo, Dra. Maria Elisa Noriler explica quais são essas alterações:

Alteração de peso: Engordar ou emagrecer vai depender do organismo de cada mulher. Parar com o medicamento pode aumentar ou reduzir a retenção de líquidos e, às vezes, até causar alterações na dieta devido às oscilações de humor. “A saída nesse caso pode ser a prática de atividade física e o consumo de alimentos saudáveis que ajudam o corpo a equilibrar os níveis de hormônios”, explica a ginecologista.

Agravamento da TPM: O humor pode sofrer oscilações após o interrompimento do medicamento e isso acontece devido às mudanças hormonais que o corpo sofre durante essa fase. Alimentação saudável e atividade física também valem para amenizar os efeitos da tensão pré-menstrual.

Fluxos menstruais maiores e cólicas: Acontece porque quando o medicamento não está mais presente no organismo ele para de inibir o crescimento do endométrio – revestimento interno do útero que descama durante a menstruação e também devido a uma maior contração uterina. “Nesses casos, o uso de analgésicos e bolsas de água quente podem amenizar as dores”, explica Noriler.

Aumento da libido: Essa é uma das vantagens que acontece com algumas mulheres porque mantendo a ovulação elas têm uma elevação da testosterona, hormônio relacionado com aumento do desejo sexual. Outro efeito colateral para algumas mulheres é a diminuição da lubrificação vaginal com uso de pílulas, causando desconforto na penetração vaginal.

Aumento da acne facial e da oleosidade na pele: A pausa da pílula anticoncepcional também faz com que a produção da testosterona volte a ser natural,favorecendo o aparecimento de secreções de oleosidade, uma das causas das temidas acnes. Entretanto, o problema pode ser solucionado com o uso de alguns produtos indicados por um dermatologista.

“Todas essas reações costumam passar em até três meses, mas caso a paciente queira tanto começar como parar de usar a pílula, o ideal é sempre conversar com o profissional para tirar todas suas dúvidas e pedir auxílio para decidir qual é o melhor método contraceptivo para o seu organismo”, finaliza a especialista.



Jovem de 15 anos é assassinado em João Pessoa

Adolescente de 15 anos é assassinado em João PessoaUm jovem , de 15 anos, foi eliminado com um tiro na madrugada desta sexta-feira (17) em João Pessoa.

De acordo com a Polícia Militar (PM), o crime aconteceu no cruzamento da Rua Souza Rangel com a Avenida São Judas Tadeu, no bairro do Rangel, por volta de 1h30. Segundo testemunhas, o jovem foi abordado por homens na rua, que realizaram o disparo e em seguida fugiram.

A polícia foi acionada e realizou rondas na região, mas ninguém foi detido.




Dennison Vasconcelos

Petrobras anuncia que gasolina nas refinarias terá alta de 0,5%

Petrobras anuncia que gasolina nas refinarias terá alta de 0,5% O litro da gasolina nas refinarias passará a custar R$ 1,9810 a partir desta sexta-feira (17), um aumento de 0,5% em relação ao preço de R$ 1,9711 cobrado hoje.

O reajuste consta da página da Petrobras na internet e indica que o preço do óleo diesel, congelado até o 1º de dezembro, como parte do acordo que levou ao término da greve dos caminhoneiros, continuará em R$ 2,0316, embutindo a subvenção concedida pelo governo quando das negociações com os grevistas.

Este é o quarto aumento consecutivo concedido pela estatal para o preço médio da gasolina nas refinarias, antes, portanto, da incidência de impostos e das margens de comercialização dos revendedores. No último dia 10, o preço do litro da gasolina nas refinarias estava em R$ 1,9002.

O anúncio do novo aumento acontece um dia depois de a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) ter divulgado a aprovação da minuta de resolução sobre transparência na formação de preço dos combustíveis, biocombustíveis e gás natural para os órgãos públicos e para o público geral.

A minuta


A minuta entrará em consulta pública por 30 dias, a partir de sua publicação no Diário Oficial, e será seguida de audiência pública, para ouvir a sociedade.
A iniciativa da ANP tem como objetivo “ampliar a transparência na formação dos preços de derivados de petróleo e gás natural, para proteger os interesses dos consumidores e promover a livre concorrência”.


Segunda nota divulgada pela agência reguladora, os trabalhos foram conduzidos em continuidade aos resultados da Tomada Pública de Contribuições (TPC), realizada pela ANP de 11 de junho a 2 de julho, que demonstrou que deveriam ser aprofundados “estudos visando a elaboração de resolução estabelecendo mecanismos de aumento da transparência na formação dos preços dos combustíveis”.

A minuta de resolução, informações sobre a consulta e a audiência pública, bem como os procedimentos para participação, estarão disponíveis em breve na página da Consulta e Audiência Pública.

Entre as principais medidas propostas na minuta de resolução estão a obrigatoriedade a todos os produtores e importadores de derivados de petróleo e biocombustíveis de informar para a ANP o preço e todos os componentes da fórmula de preço, por produto e ponto de entrega, sempre que houver reajuste e/ou alteração de parâmetros da fórmula; a determinação para que os produtores e importadores que detêm uma participação de mercado maior que 20% em uma macrorregião política do país, deverão publicar, em seu próprio site na internet, a fórmula utilizada para precificação do produto correspondente, bem como o preço resultante, para cada um dos produtos à venda, em cada ponto de entrega.

“As informações deverão ser publicadas somente no ato do reajuste do preço ou da alteração dos parâmetros da fórmula. A ANP publicará as mesmas informações em seu portal na internet”.

Agencia Brasil



Sarampo e Poliomielite: Dia D de vacinação será neste sábado (18)

 Com o intuito de imunizar crianças de um a quatro anos de idade contra a poliomielite e o sarampo, unidades de saúde em todo o país, participam do Dia D de vacinação, que acontece neste sábado (18), seguindo programação nacional do Ministério da Saúde.

 O principal objetivo é vacinar indiscriminadamente o público-alvo da ação, contribuindo para a redução do risco de reintrodução do poliovírus selvagem, sarampo e rubéola. Todas as crianças de um ano a menores de cinco devem ser vacinadas independentemente da situação vacinal.

 A campanha segue até 31 de agosto.

De acordo com o governo federal, a meta é imunizar 11,2 milhões de crianças e atingir o marco de 95% de cobertura vacinal nessa faixa etária, conforme recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).



Blog do RC



TCE suspende licitação de R$ 2 mi para limpeza urbana em Cabedelo

TCE suspende licitação de R$ 2 mi para limpeza urbana em Cabedelo
A 1ª Câmara do Tribunal de Contas da Paraíba, reunida em sessão ordinária nesta quinta-feira (16), julgou irregular a Dispensa de Licitação nº 30/15, da prefeitura de Cabedelo. Homologado em 20 de fevereiro de 2015 o procedimento destinou, em caráter emergencial, R$ 2 milhões para contratação de “serviços de limpeza urbana e manejo dos resíduos sólidos do município”.

Na mesma decisão, de conformidade com o que propôs o relator do processo nº 02677/15, conselheiro substituto Antônio Gomes Vieira Filho, o colegiado fixou prazo de 90 dias para realização de nova licitação, sem prejuízo da continuidade da prestação dos serviços até que o novo procedimento seja realizado.

MEDIDA CAUTELAR – Na mesma sessão, a 1ª Câmara referendou medida cautelar expedida pelo conselheiro substituto Renato Sérgio Santiago Melo determinando a suspensão da Tomada de Preços 005/2018, da prefeitura de Pedras de Fogo, objetivando a construção de uma escola com seis salas de aula.

O relator acolheu denúncia formulada pelo empresário Jefferson Stefânio Laurentino de Andrade apontando possíveis irregularidades no certame. A decisão unânime do colegiado manda que o procedimento seja suspenso na fase em que se encontrar, “até deliberação final desta Corte sobre a matéria”. E concede prazo de 15 dias ao município para justificativas e defesa, mais o envio ao Tribunal de documentos requeridos pelo órgão auditor.

O colegiado se reuniu, em sua sessão de número 2755, para cumprir, sob a presidência do conselheiro Fernando Catão, uma pauta de 81 processos relacionados, entre outros, a procedimentos licitatórios, atos de pessoal, denúncias e representações, recursos e cumprimento de decisões anteriores da Corte. Presentes ainda os conselheiros substitutos Antônio Gomes e Renato Sérgio. Pelo Ministério Público de Contas, atuou o procurador geral Luciano Andrade Farias.





MaisPB

Candidatos a presidente da República somam um total de R$ 834 milhões em bens declarados

Ao término do prazo de registro das candidaturas para a disputa eleitoral deste ano, às 19h dessa quarta-feira (15), 13 nomes se apresentaram para concorrer à Presidência da República. Segundo dados disponíveis no Sistema de Divulgação de Candidaturas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o patrimônio declarado dos presidenciáveis chega, no total, a R$ 834 milhões.
Veja a seguir quais são os candidatos:
Alvaro Dias (Pode)
O candidato à Presidência da Republica, Álvaro Dias (Podemos) participa do debate "Futuro do Brasil", realizado pela Coalizão pela Construção, formada por 26 das mais importantes entidades representativas da indústria da construção.
ALVARO DIAS – JOSÉ CRUZ/ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL
Candidato da coligação Pode, PRP, PSC e PTC, Alvaro Dias tem 73 anos e está no quarto mandato de senador. De 1987 a 1991, foi governador do Paraná, à época pelo PMDB. Na década de 1970, foi deputado federal por três legislaturas. Antes, foi vereador de Londrina (PR) e deputado estadual no Paraná. Formado em história, ele já mudou de siglas sete vezes. Eleito senador em 2014 pelo PSDB, migrou para o PV e, em julho do ano passado, buscou o Podemos, antigo PTN, para se unir à tentativa da sigla de imprimir a bandeira da renovação da política e da participação direta do povo. Declarou ter patrimônio de R$ 2,9 milhões.
Vice: Paulo Rabello (PSC)
Cabo Daciolo (Patri)
Cabo Daciolo é confirmado como candidato do Patriota nas eleições 2018
CABO DACIOLO – ZECA RIBEIRO/CÂMARA DOS DEPUTADOS
O Patriota não fez aliança para a eleição presidencial. É a chamada chapa “puro sangue”, quando há um único partido. O candidato foi eleito deputado federal pelo Rio de Janeiro nas eleições de 2014. Integrante do Corpo de Bombeiros, Cabo Daciolo, 42 anos, foi filiado ao PSOL, PTdoB e ao Avante. Nascido em 1976, na cidade de Florianópolis, é casado com Cristiane Daciolo e tem três filhos. Bombeiro, ganhou notoriedade em 2011 por liderar a greve da categoria no Rio de Janeiro. Foi lançado pré-candidato em 28 de março de 2018 pelo Patriota, antigo PEN. Não apresentou lista de bens ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Vice: Suelene Balduino (Patri)
Ciro Gomes (PDT)
O candidato à Presidência da República, Ciro Gomes, do PDT, discursa durante o evento, Diálogos Eleitor, realizado pela União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços (Unecs).
CIRO GOMES – JOSÉ CRUZ/ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL
Candidato da coligação PDT e Avante. É natural de Pindamonhangaba (SP), mas construiu sua carreira política no Ceará, onde foi prefeito de Fortaleza, eleito em 1988, e governador do estado, eleito em 1990. Renunciou ao cargo de governador, em 1994, para assumir o Ministério da Fazenda, no governo Itamar Franco (1992-1994), por indicação do PSDB, seu partido na época. Foi ministro da Integração Nacional de 2003 a 2006, no governo do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e tocou o projeto de Transposição do Rio São Francisco. Tem 60 anos e quatro filhos. Disputa a Presidência pela terceira vez. Declarou patrimônio de R$ 1,7 milhão.
Vice: Kátia Abreu (PDT)
Geraldo Alckmin (PSDB)
O candidato à Presidência da República, Geraldo Alckmin, do PSDB, discursa durante o evento,  Diálogos Eleitor, realizado pela  União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços (Unecs).
GERALDO ALCKMIN – VALTER CAMPANATO/ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL
Candidato da coligação PSDB, PTB, PP, PR, DEM, SD, PPS, PRB e PSD. Quatro vezes governador de São Paulo, Alckmin é um dos fundadores do PSDB. Formado em medicina pela Universidade de Taubaté, começou a carreira política em 1972, em Pindamonhangaba, onde foi eleito vereador, presidente da Câmara dos Vereadores e prefeito da cidade. Em 1982, foi eleito deputado estadual. Participou da Assembleia Nacional Constituinte de 1986, antes de chegar ao governo de São Paulo em 2001, como vice do governador Mário Covas. Aos 65 anos, vai disputar pela segunda vez a eleição presidencial. Declarou patrimônio de R$ 1,4 milhão.
Vice: Ana Amélia Lemos (PP)
Guilherme Boulos (PSOL)
Guilherme Boulos é o candidato do PSOL à Presidência da República
GUILHERME BOULOS – ARQUIVO/TV BRASIL
Candidato da coligação PSOL e PCB. Natural de São Paulo, tem 35 anos, é filho de médicos e professores da Universidade de São Paulo (USP). Filósofo formado pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, na qual ingressou no ano 2000. Também é psicanalista, professor e escritor. Sua vida política começou em 1997, aos 15 anos, quando ingressou no movimento estudantil como militante na União da Juventude Comunista (UJC). Depois conheceu o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) e o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), do qual é coordenador. Declarou patrimônio de R$ 15,4 mil.
Vice: Sônia Guajajara (PSOL)
Henrique Meirelles (MDB)
O ex-ministro Henrique Meirelles durante convenção Nacional do MDB em Brasília.
HENRIQUE MEIRELLES – ANTONIO CRUZ/ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL
Disputará a eleição presidencial pela coligação MDB e PHS. Goiano de Anápolis, tem 72 anos. Em 2002, foi eleito deputado federal pelo PSDB, cargo do qual abdicou para comandar o Banco Central de 2003 a novembro de 2010, no governo Lula. No governo do presidente Michel Temer, comandou o Ministério da Fazenda de maio de 2016 a abril de 2018. Construiu a carreira como economista no mercado internacional, assumiu a presidência mundial do BankBoston, no qual ingressou em 1974, e tornou-se presidente da instituição no Brasil em 1984. Tem patrimônio declarado R$ 377,5 milhões.
Vice: Germano Rigotto (MDB)
Jair Bolsonaro (PSL)
O deputado Jair Bolsonaro durante sessão do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados que instaurou nesta terça-feira (16) processo por quebra de decoro contra o deputado (Wilson Dias/Agência Brasil)
JAIR BOLSONARO – WILSON DIAS/ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL
Candidato da coligação PSL e PRTB, conta também com o apoio dos defensores da monarquia. Militar, Bolsonaro, 63 anos, está no sétimo mandato na Câmara dos Deputados e tem uma carreira de 25 anos ininterruptos no Congresso Nacional. Foi o candidato a deputado federal mais votado no Rio de Janeiro, nas eleições de 2014, com 464 mil votos. Casado três vezes, tem cinco filhos, dos quais três estão na vida política. Capitão da reserva do Exército, filiou-se ao PSL, seu nono partido, para disputar a eleição presidencial. Natural de Glicério (RJ), Bolsonaro construiu carreira política no Rio de Janeiro. Declarou patrimônio de R$ 2,3 milhões.
Vice: General Mourão (PRTB)
João Amoêdo (Novo)
Partido Novo confirma João Amoêdo como candidato a presidente
JOÃO AMOÊDO – ROVENA ROSA/ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL
O Partido Novo não fez aliança para a eleição presidencial. Natural do Rio de Janeiro, Amoêdo, 55 anos, é formado em engenharia civil e administração. Foi diretor executivo do Banco BBA Creditanstalt, presidente da Finaústria CFI, vice-presidente e membro do Conselho de Administração do Unibanco e integrante do Conselho de Administração do Banco Itaú BBA e do Conselho de Administração da empresa João Fortes Engenharia. Fundou o Partido Novo com membros da sociedade civil, que passam por processo seletivo para se tornarem candidatos. É casado e tem três filhas. Declarou patrimônio de R$ 425 milhões.
Vice: Professor Christian (Novo)
João Goulart Filho (PPL)
PPL lança João Goulart Filho a candidato a presidente nas eleições de 2018
JOÃO GOULART FILHO PPL/DIREITOS RESERVADOS
Pela primeira vez na disputa para a Presidência da República, não fez coligação. João Goulart Filho, 61 anos, é poeta, filósofo, escritor e fundador do Instituto João Goulart, dedicado à pesquisa histórica e à reflexão sobre o processo político brasileiro. Filho do ex-presidente João Goulart, conhecido como Jango, deposto em 1964 pelo golpe militar, o candidato adotou o nome político em homenagem ao pai. Foi deputado estadual no Rio Grande do Sul pelo PDT, partido que trocou pelo PPL. É autor de Jango e Eu: Memórias de um Exílio sem Volta, indicado ao Prêmio Jabuti. Declarou patrimônio de R$ 8,6 milhões.
Vice: Léo Alves
José Maria Eymael (DC)
José Maria Eymael
JOSÉ MARIA EYMAEL – DC/DIVULGAÇÃO
Pela quinta vez, disputa as eleições presidenciais. A Democracia Cristã não fez aliança para a eleição presidencial. Natural de Porto Alegre, Eymael, 78 anos, cursou filosofia e direito na Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Rio Grande do Sul. É empresário há 46 anos nas áreas de marketing, comunicação e informática. Começou a trabalhar aos 12 anos de idade como auxiliar de tipografia. Mais tarde, foi um dos líderes da Juventude Operaria Católica (JOC). Em 1962, ingressou no Partido Democrata Cristão (PDC) em Porto Alegre, passando a atuar na Juventude Democrata Cristã. Declarou patrimônio de R$ 6,1 milhões.
Vice: Helvio Costa (DC)
Luiz Inácio Lula da Silva (PT)
Brasília - O novo ministro da Casa Civil, Luiz Inácio Lula da Silva, na cerimônia de posse  (José Cruz/Agência Brasil)
LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA – JOSÉ CRUZ/ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL
Candidato da coligação PT, PCdoB e PROS. Nascido em Garanhuns (PE), em 1945, Lula, 72 anos, migrou com a família para São Paulo. Aos 14 anos, trabalhava em uma metalúrgica e fazia curso técnico de torneiro mecânico. Iniciou a trajetória no movimento sindical ao integrar a diretoria do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP), em 1969. De 1979 a 1980, surge no cenário nacional ao liderar greves nacionais e como fundador do Partido dos Trabalhadores (PT). Foi presidente por dois mandatos (2003-2010). Foi denunciado pela Operação Lava Jato e está preso em Curitiba. Declarou patrimônio de R$ 8 milhões.
Vice: Fernando Haddad (PT)
Marina Silva (Rede)
A candidata à Presidência da República, Marina Silva (Rede) participa do debate "Futuro do Brasil", realizado pela Coalizão pela Construção, formada por 26 das mais importantes entidades representativas da indústria da construção.
MARINA SILVA – JOSÉ CRUZ/ARQUIVO/AGÊNCIA BRASIL
Disputa a eleição pela aliança Rede e PV. Nasceu em uma pequena comunidade chamada Breu Velho, no Seringal Bagaço, em Rio Branco, no Acre. Em 1984, Marina Silva, 60 anos, ajudou a fundar a Central Única dos Trabalhadores (CUT) no Acre. No ano seguinte, filiou-se ao PT. Foi eleita pela primeira vez a um cargo público nas eleições de 1988, quando foi a vereadora mais votada de Rio Branco. Depois disso, foi eleita deputada estadual e senadora (dois mandatos). Foi ministra do Meio Ambiente no governo Lula. Disputará a eleição presidencial pela terceira vez. Declarou patrimônio de R$ 118,8 mil.
Vice: Eduardo Jorge (PV)
Vera Lúcia (PSTU)
Vera Lúcia do PSTU
VERA LÚCIA – ROMERITO PONTES/DIREITOS RESERVADOS
Chapa “puro sangue”, o PSTU não fez aliança para a eleição presidencial. Operária da indústria calçadista, com trajetória no movimento sindical e popular, Vera Lúcia, 50 anos, nasceu no sertão pernambucano e se mudou ainda criança para Aracaju, com a família, fugindo da seca. Na capital sergipana, trabalhou como garçonete e datilógrafa antes de conseguir um emprego na fábrica de calçados Azaleia, onde iniciou a militância sindical. É formada em ciências sociais pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e se dedica atualmente à formação política de ativistas. Declarou patrimônio de R$ 20 mil.
Vice: Hertz Dias (PSTU)

Agência Brasil

Bolsonaro entra com pedido no TSE para barrar candidatura de Lula

O deputado Jair Bolsonaro (PSL), candidato da extrema-direta à PResidência, protocolou nesta quinta-feira, 16, pedido para barrar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“É do conhecimento geral que o pretenso candidato Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado”, diz o documento, citando as decisões da primeira e da segunda instâncias da Justiça Federal no processo do tríplex. “Restou comprovado que o ex-presidente da República participou de um grande esquema de corrupção”.

Na ação, o candidato acusa Lula de ter ocultado a titularidade do apartamento tríplex, que seria uma vantagem indevida da empreiteira OAS em função de esquemas em contratos com a Petrobras.

Bolsonaro pediu rapidez para que a candidatura de Lula seja barrada e disse ser desnecessária a abertura de prazos para manifestações, “pelo que fica desde já formulado pedido de julgamento antecipado”.



Brasil 247

Maranhão responde quem apoiaria caso Azevêdo e Lucélio fossem para o segundo turno

Durante coletiva de imprensa nesta quinta-feira (16), o candidato ao governo, José Maranhão (MDB) respondeu a um questionamento que vinha causando curiosidade nos bastidores da imprensa paraibana. Caso o emedebista não vá para o segundo turno e ele seja protagonizado por João Azevêdo (PSB) e Lucélio Cartaxo (PV), quem o senador irá apoiar?

“Eu só tenho uma definição marcada: estarei do lado do povo”, disse o candidato, sem dar muitas pistas sobre uma aproximação com qualquer um dos outros candidatos. Maranhão também afirmou que não pensa sobre isso. “Estou nessa luta para vencer”, disse convicto.

A coletiva aconteceu na sede do MDB, em João Pessoa. Na oportunidade o candidato criticou os autores dos burburinhos sobre sua saúde e desistência e disse que resolverá com a Justiça sobre as mentiras propagadas.



Da Redação

Tárcio afirma que trabalhadores da segurança da Paraíba recebem pior salário do Brasil

O candidato a governador pelo PSOL, Tárcio Teixeira, afirmou, durante o debate promovido pela TV Arapuan, que o estado da Paraíba tem sofrido com o aumento de homicídios contra mulheres e jovens negros. Ele declarou que os trabalhadores da segurança na Paraíba têm hoje o pior salário e as piores condições de trabalho do país.

“Você pensa que quando cai o número de homicídio, cresce o número de homicídios contra mulheres e a juventude negra. Temos que resolver esse problema”, disse.

O pode e o que não pode na campanha eleitoral de rua e internet

A campanha eleitoral de rua e internet passou a ser permitida a partir desta quinta-feira (16), conforme o calendário eleitoral. Para as Eleições de 2018, o período de campanha será mais curto, com 45 dias, metade da duração que tinha até 2014.
A propaganda em rádio e TV é restrita ao horário eleitoral gratuito, que inicia em 31 de agosto. O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) publicou uma cartilha com as principais regras da propaganda eleitoral.
A realização de comícios está permitida das 8h às 24h, exceto o de encerramento, que poderá ser até às 2h. Na antevéspera da eleição o comício está proibido. Já as caminhadas, carreatas e passeatas são permitidas até às 22h da véspera da eleição.
A dimensão máxima de folhetos, volantes e outros impressos será de 50cm x 40cm, sendo sua distribuição permitida até as 22h da véspera da eleição. Na internet, a propaganda não pode ser paga, mas é permitido o impulsionamento de conteúdo, gratuito ou não, desde que não realizado por pessoa física. A propaganda paga em jornais será permitida desde esta última quinta até a antevéspera da eleição.
Os carros de som e minitrios poderão ser usados apenas em caminhadas, carreatas e passeatas ou em reuniões e comícios. O limite deve ser de 80db aferidos a 7m de distância do veículo.
Dentre as proibições no que se referem às propagandas eleitorais estão principalmente as questões sobre difamação, calúnia, incitação à violência ou que provoque animosidades.
A confecção, utilização ou distribuição de bonés, camisetas e outros brindes para promover vantagem eleitoral também é proibida. Os showmícios também são proibidos, de acordo com a legislação eleitoral.
As propagandas por meio de outdoor ou inscrições a tinta também são proibidas. Assim como está proibida a propaganda que perturbe o sossego público com algazarra ou abuso de instrumentos sonoros ou acústicos.



Da redação

“Quem quiser ver cenas de guerra, vá até o Trauminha”, critica João Azevêdo

O candidato a governador da Paraíba pelo PSB, João Azevêdo, afirmou, durante debate promovido pela TV Manaíra nesta quinta-feira (16), que a Paraíba conquistou, no atual governo de Ricardo Coutinho (PSB), o menor índice de mortalidade infantil do Nordeste e citou que uma rede de cardiologia pediátrica foi implantada no estado, salvando a vida de milhares de crianças.

João criticou a Prefeitura de João Pessoa, afirmando que as pessoas não são bem atendidas pelo serviço de saúde da cidade.

“É importante entender que a Prefeitura de João Pessoa nega até os exames das pessoas que estão internadas no Padre Zé. Quem quiser ver cenas de guerra, vá até o Trauminha”, disparou.

Lucélio Cartaxo revidou declarando que é preciso fazer mais do que prometer instalar maternidades em todas as cidades da Paraíba, citando ainda que pretende implantar um Hospital de Trauma no Sertão.

Veja também: Confira o que é permitido ou proibido na campanha eleitoral de rua e internet

Tárcio afirma que trabalhadores da segurança da Paraíba recebem pior salário do Brasil

Lucélio alfineta: “Granja Santana tem mais militares do que em muitas cidades da Paraíba”

Zé Maranhão elenca ações culturais realizadas durante seu governo

Da Redação com Paraíba On Line

Confira agenda dos Candidatos ao Governo da PB nesta 6ª

Candidatos ao Governo da PB intensificam agenda nesta 6ª; confira
De acordo com informações das assessorias dos candidatos ao Governo da Paraíba estarão nesta sexta-feira (17), no segundo dia oficial de campanha eleitoral


Panfletagens, reuniões, entrevistas, gravação de guia eleitoral são algumas das atividades a que os candidatos ao Governo da Paraíba 

veja abaixo:

 Zé Maranhão  (17/08)

 Manhã - Reunião com lideranças municipais

 Tarde - Reunião com coordenação de campanha

 Noite - Gravação para o Guia Eleitoral


 João Azevêdo  (17/08)

Manhã  -  Grava para o guia eleitoral

Tarde - 12h - Concede entrevista à Rádio Campina FM

15h - Reunião com representantes do Polo Calçadista de Campina Grande

Noite - 19h00 - Inauguração do ‘Quarentão’ - Comitê Central em João Pessoa
Local: Avenida Epitácio Pessoa - em frente à Igreja Universal

 Lucélio Cartaxo  (17/08)


10h - Recebe lideranças políticas em João Pessoa

15h30 - Em Sousa, encontra a população e recebe lideranças 

17h - Participa do Encontro do PV Mulheres da Esperança, em Sousa

SÁBADO (18.08)

7h30 - Visita Feira Pública de Sousa, acompanhado de lideranças políticas

11h - Encontra lideranças políticas na cidade de Uiraúna

18h - Encontra população e lideranças na cidade de Itabaiana



 Tárcio Teixeira (17/08)


Manhã - 09h – Audiência Popular e Pacto pela Vida da Juventude Negra  localizada no prédio da OAB-Subseção Campina Grande

 Tarde -  16h– Adesivagem de carros no Comitê;

17h- Primeiro Encontro com apoiadores/as no comitê.


Noite:  20h- Panfletagem no Cordel do Fogo Encantado.



Rama Dantas (17/08)
A assessoria não divulgou agenda



Blog do RC

Expedito Leite é o único representante do Vale do Piancó na disputa pela Câmara Federal

O advogado e ex-superintendente do DNIT, Expedito Leite (PV), é o único representante da região do Vale do Piancó, no Sertão paraibano, na disputa pela Câmara Federal nas eleições estaduais deste ano.

Expedito é natural de Itaporanga. Devido falta de representação do Vale na Câmara de Deputados, políticos e a população estão fazendo um movimento para apoiar “um candidato da terra”. Wilson Braga foi o último deputado federal que representou o povo do Vale do Piancó em Brasília.

“Como sertanejo, nascido na zona rural, sempre vejo uma lacuna da representação do Vale do Piancó, tanto na Assembleia Legislativa, quanto na Câmara Federal”, declarou Expedito.

Expedito Leite disse que vários projetos e investimentos para a região são prejudicados pela falta de representação política.

“Desde que Wilson Braga deixou a Câmara não tem um deputado federal da região. Na ALPB já tivemos legislatura com até quatro deputados do Vale e hoje estamos órfãos, pois os forasteiros só aparecem no Vale do Piancó na época de eleição e depois somem. Por isso coloquei meu nome à disposição da população e registrei minha candidatura para deputado federal”, afirmou.

“Vamos ver o que o eleitor está disposto a fazer nessas eleições, se vamos continuar com os corruptos, os ficha-sujas ou teremos uma época de mudança, com candidatos com vida limpa, como é modestamente meu exemplo, que tenho 45 anos de vida pública e nunca tive uma mancha”, acrescentou.



Tá na Área

Maranhão convoca entrevista coletiva de última hora na sede do partido

 Zé Maranhão, candidato ao Governo da Paraíba pelo MDB,  convocou pra uma coletiva a imprensa que irá acontecer na tarde desta quinta -feira(16) às 15h, na sede do partido, que fica na Avenida Duarte da Silveira, em João Pessoa, em um comunicado de última hora  

Varias especulações ,vão desde de uma possível troca de nomes na chapa, seja nos nomes de senador ou suplente, até uma possível afastamento da campanha do candidato por causa de problema de saúde.



Blog do RC

Candidatos ao governo da Paraíba protagonizam mais um debate na noite desta quinta-feira

Na noite desta quinta-feira (16) acontece mais um debate entre os candidatos ao governo do Estado da Paraíba. Desta vez, a transmissão será feita pela TV Manaíra e começa a partir das 22h.

João Azevêdo (PSB), Lucélio Cartaxo (PV), José Maranhão (MDB) e Tárcio Teixeira (PSOL) confirmaram, por meio de suas agendas de campanha, participação no debate que é o segundo realizado no Estado.

A transmissão também será feita simultaneamente através do Facebook pelo link facebook.com/tvmanairaoficial.

A apresentadora do debate será a jornalista Rejane Negreiros.



Da Redação

PORLTERGEIST: Movimentos em prédio público de JP durante a madrugada intrigam funcionários; veja

Resultado de imagem para Movimentos em prédio público de JP durante a madrugada intrigam funcionários; veja
Quem nunca ouviu falar em uma história sobre fenômenos paranormais? Esses contos macabros, muitas vezes, tiram o sono de muita gente, já outros se mostram céticos sobre esse tipo de tema. Mas, e quando um suposto evento como esse é flagrado no seu local de trabalho?

Eventos registrados por câmeras de segurança estão tirando o sono de funcionários que trabalham em um prédio público, situado no bairro Treze de Maio, em João Pessoa.

Um dos funcionários resolveu analisar as imagens das câmeras de segurança a fim de saber onde tinha deixado um documento, mas o que ele não esperava era ver alguns movimentos que o deixaram com a "pulga atrás da orelha".

O vídeo, que foi gravado no último dia 9 de agosto, por volta das 0h30 da madrugada, mostra uma das portas do estabelecimento se movendo. Como se não bastasse, em determinado momento do vídeo, um dos computadores ligam. Há quem diga ainda ter visto um sombra pouco antes do monitor ligar.

Funcionários compartilharam relatos de ruídos e até mesmo batidas durante o expediente. Eles se dizem intrigados com toda essa situação










T5

Escola é atingida por tiros durante tentativa de assalto em Sapé

Escola de Sapé é atingida por tiros durante tentativa de assalto (Foto: Polícia Militar/Divulgação)
 Alunos e funcionários da Escola Técnica Estadual de Saúde da cidade de Sapé viveram momentos de aflição,na  tarde desta quarta-feira (15).Um homem que já foi identificado tentou assaltar os alunos. O suspeito ainda efetuou disparos com arma de fogo, que atingiram a parede do prédio.

Segundo informações da PM, na hora da tentativa de assalto, um dos alunos percebeu a ação, e com a aproximação do suspeito tentou correr para dentro da escola. Nesse momento, os vigilantes do local fecharam o portão.

No entanto, o assaltante,não ainda tentou pular o muro da escola. Alunos e funcionários gritaram e o suspeito realizou disparos contra a parede do prédio. Ninguém ficou ferido.

Apesar de ter sido identificado, o suspeito não foi preso.



Blog do RC