EDITORIAL: ARMAS! NÃO GOSTA? NÃO COMPRE!

A violência armada no Brasil está muito longe de ser novidade. Dizem que começou com o saudoso e inocente jogo do bicho. Entretanto foram sendo criadas variantes dentro desse universo criminoso. As drogas começaram a se relacionar com os grandes chefes da organização primeira e, com isso,  a clientela se ampliou! Depois chegaram os criminosos mais perigosos que são os intelectuais assaltando organizações estatais sem tocar em uma só arma e matando muita gente inocente. A junção dessa horda de criminosos gerou consequências de graves proporções econômicas, financeiras e sociais nos meios urbanos, e não só! Com isso, a segurança da sociedade foi se reduzindo desesperadamente,  levando o cidadão comum a uma desproteção total, e acentuando intensamente, em todos os níveis de tal sorte que se pensou em  fazer um referendo sobre o que pensa o brasileiro a respeito da possibilidade de promover a sua própria segurança por meio da aquisição e porte de armas, a  partir de então. 
A proposta da realização do  referendo foi levada  à frente com a seguinte pergunta: "O comércio de armas de fogo e munição deve ser proibido no Brasil?". "Sim" ou "não”? 
O resultado foi que o NÃO venceu o SIM por 64,39%, isso quis dizer que  a população brasileira decidiu, por maioria, manter o comércio de armas, confirmado pelo Tribunal Superior Eleitoral. 
A democrática vontade do povo brasileiro que decidiu pela manutenção do comércio de armas, foi respeitada, porém  não pode entrar imediatamente em circulação devido às limitações impostas por  artigos do Estatuto do Desarmamento que tornam a possibilidade da compra desse produto totalmente   restrita por dispositivos legais.
Como o volume de criminosos e bárbaros  ascendeu, nos últimos tempos, quando ainda candidato, o atual presidente fez a promessa de flexibilizar a posse de armas a fim de que as vítimas dos criminosos que invadem seus lares, levando medo, terror e desespero aos seus ocupantes, possam apresentar alguma resistência a fim de que os prejuízos sejam minimizados pela força da oposição. 
Infelizmente nem todos os municípios brasileiros estão cobertos pela segurança pública que o  Estado deveria oferecer.  Então, nesses casos, os desprotegidos terão a liberdade legal de adquirir uma arma como mecanismo de defesa.  Esse instrumento, em um cenário de violência imporá ao agressor a resistência que o Estado deveria proporcionar.


Cicero Carlos Maia



Ministério Público investiga improbidade administrativa na gestão de Bonifácio Rocha

3ff81d65ff4f926248878a3d3fb9a9f3 - PATOS NA MIRA: Ministério Público investiga improbidade administrativa na gestão de Bonifácio Rocha
O Ministério Público Federal (MPF) instaurou um inquérito civil para apurar suposta prática de improbidade administrativa por parte do atual prefeito de Patos, Bonifácio Rocha (PPS).


Verbas de complementação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (FUNDEF) estariam sendo aplicadas de forma irregular pela gestão.

Portaria da investigação foi publicada na edição desta segunda-feira (18) do Diário Oficial do MPF e assinada pelo procurador Djalma Gusmão Feitosa.



Blog do Dércio

Enivaldo assume a Prefeitura de Campina Grande e cumpre agenda em Brasília

Resultado de imagem para Enivaldo assume a Prefeitura de Campina Grande e cumpre agenda em Brasília
O vice-prefeito Edivaldo Ribeiro está respondendo, mais uma vez, como prefeito interino de Campina Grande. O titular Romero Rodrigues formalizou sua licença do cargo, com efeito a partir desta segunda-feira, 18.

A pedido de Romero, Enivaldo Ribeiro viajou para Brasília, nesta segunda. Na Capital Federal, o prefeito em exercício participará de um série de audiências em vários ministérios.

O deputado federal Aguinaldo Ribeiro e a senadora Daniella Ribeiro se colocaram à disposição do pai na articulação das reuniões. Na pauta, liberação de recursos e acompanhamento na tramitação de projetos nas áreas de saúde, infraestrutura e área social.

Enivaldo já esteve reunido informalmente com os dois presidentes da Câmara e do Senado, durante o aniversário de Aguinaldo na última sexta-feira. Com ministros e lideranças, a agenda está sendo fechada para divulgação.


WhatsApp Image 2019 02 18 at 10.32.00 1 - ARTICULAÇÕES POLÍTICAS: Enivaldo assume a Prefeitura de Campina Grande e cumpre agenda em BrasíliaWhatsApp Image 2019 02 18 at 10.32.00 - ARTICULAÇÕES POLÍTICAS: Enivaldo assume a Prefeitura de Campina Grande e cumpre agenda em BrasíliaWhatsApp Image 2019 02 18 at 10.34.39 1 - ARTICULAÇÕES POLÍTICAS: Enivaldo assume a Prefeitura de Campina Grande e cumpre agenda em Brasília
 Assessoria









ELEIÇÕES EM CABEDELO:Confira a agenda de campanha da Coligação "Por Respeito a Cabedelo"

A coligação "Por respeito a Cabedelo" divulgou a agenda da semana do candidato Marcos Patrício,   a prefeito de Cabedelo.

 As eleições suplementares ocorrerão no dia 17 março de 2019


Confira: 

Segunda-feira -18/02

21h00
Live da coligação por respeito a Cabedelo;

Terça-feira - 19/02

 09h00 
Participação na Assembleia dos Professores do Município no Cabedelo Clube;

Terça-feira - 19/02

16h00
Caminhada, adesivagem e panfletagem na Praia do Poço;

Quarta-feita - 20/02

 19h00
Fórum de debates com o Presidente da Fundação Lauro Campos, no Cabedelo Clube;

Quinta-feira - 21/02

16h00 
Caminhada, adesivagem e panfletagem no Bairro Jardim Manguinhos;

Sexta-feira - 22/02

 21h00 
Live da Coligação Por Respeito a Cabedelo;

Sábado - 23/02

16h00
Caminhada, adesivagem e panfletagem no Bairro de Intermares.


Assessoria

Prefeitura de Mari realizará triagem para cirurgia de catarata

A Prefeitura de Mari, através da Secretaria de Saúde, realizará um cronograma de Triagem de Cataratas em várias localidades do município, de forma a garantir o acesso ao diagnóstico e posterior procedimento cirúrgico. Em pouco mais de dois anos, esta será a terceira intervenção para cirurgia da catarata em Mari possibilitando que centenas de pessoas possam enxergar melhor.

Conforme informou a Secretária de Saúde de Mari, Drª Emanuelle Chaves, a equipe estará pronta para atender toda demanda que se apresentar. “Não haverá limite de atendimento para os idosos que comparecerem e tiverem algum sintoma de perda da visão, e caso não sejam diagnósticos com catarata , serão encaminhados para tratamento de outras patologias, se necessário”, declarou a Secretária.

A triagem será oferecida  aos paciente acima de 50 anos,  devendo  os referidos portarem no momento do exame, XEROX de RG, CPF, Comprovante de Residência e CARTÃO SUS.

CONFIRA AS DATAS E OS LOCAIS DE ATENDIMENTO:

25/02 – PSF de Taumatá (incluindo sítios de Pirpiri, Lagoa do Félix , Fundo do Vale e sítio Mata).

27/02 – no CEAS para qualquer paciente residente na zona urbana

14/03 – no PSF Tiradentes (incluindo o Assentamento Zumbi dos Palmares e Loteamento Nova Esperança )

19/03 – na cidade ( local a ser definido)

SAIBA MAIS:

A catarata é uma opacidade do cristalino. O cristalino é a lente que temos dentro do olho. Quando ela fica opaca, causa diminuição da visão e não melhora com o uso de óculos. A catarata pode ser congênita ou adquirida. A congênita é a que aparece em crianças e pode ser hereditária, causada por infecções, desordens metabólicas. A adquirida pode ter como causa a idade, o uso de medicamentos, inflamações, entre outras.

OS SINTOMAS COMUNS DA CATARATA INCLUEM:

– Visão desfocada sem dor

– Troca frequente de lentes corretivas

– Ofuscamento

– As cores parecem menos vivas e com tons de marrom

– Visão deficiente à noite

– Sensibilidade à luz e a impressão constante de que a iluminação não está boa




Assessoria de comunicação

Homem é esfaqueado pelo irmão após não concordar com venda de terreno

Um homem foi esfaqueado pelo irmão na noite deste domingo (17), na cidade de Boqueirão, na Paraíba. O motivo da agressão foi uma discussão por causa da venda de um terreno.

De acordo com informações, Josemar de Araújo Almeida, de 48 anos, não concordou com a venda de um terreno pertencente à família.

Após cometer o crime, o irmão de Josemar fugiu.

Uma ambulância foi acionada para socorrer a vítima.







Redação

Governadores se reúnem em Brasília para debater pauta econômica

Governadores de todo o país devem se reunir nesta quarta-feira (20) em Brasília para discutir a agenda econômica do país. Os chefes dos executivos estaduais esperam conversar diretamente com o ministro da Economia, Paulo Guedes. O Planalto não confirmou a presença do presidente Jair Bolsonaro. A reunião acontece no mesmo dia marcado para a entrega do texto da proposta da reforma da Previdência ao Congresso Nacional.

O governador da Paraíba, João Azevêdo, ainda não confirmou se deverá comparecer à reunião em Brasília.

A pauta econômica tinha sido definida na última reunião, em dezembro, como o assunto a ser tratado em fevereiro, tendo como foco as mudanças na lei previdenciária. Os governadores devem sinalizar como encaminharão as questões às suas bancadas no Legislativo.

“É um tema essencial duplamente. Primeiro, por ter impacto fiscal direto nas contas e, segundo, porque com a reforma temos o equilíbrio das contas, com repercussão em toda a economia”, afirmou Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul. O gaúcho, eleito em outubro do ano passado, assumiu um estado em crise financeira.

Dados da Secretaria Estadual da Fazenda mostraram um rombo de mais de R$ 7 bilhões no fechamento das contas do ano passado, incluindo o adiamento do décimo terceiro salário do funcionalismo, os contracheques de dezembro e parcelas de dívida com a União que não foram pagas.

Investimento privado

A aposta de governadores em situações semelhantes à vivida por Leite é que com a solução do déficit previdenciário, o governo federal ganhe margem para ajustar outras contas, causando impacto global na economia. A expectativa dos estados é por maior distribuição de recursos e atração de investimento privado. “Essa é uma estratégia essencial para o Brasil, para promovermos o equilíbrio das contas públicas”, disse o governador gaúcho.

A necessidade de uma reforma é reconhecida também pelo Fórum de Governadores do Nordeste, que voltou a se encontrar no último dia 6 para discutir o tema.

Em carta apresentada ao Planalto, o grupo de nove governadores destaca a necessidade da reforma, “mas preservando a cidadania, o bem-estar social, protegendo especialmente os trabalhadores rurais, as mulheres e o acesso aos Benefícios de Prestação Continuada (BCP)”.

Outras demandas

Independentemente das particularidades de cada local, há unanimidade entre os governadores em relação ao avanço de propostas que viabilizem a recuperação financeira dos estados, como a liberação de recursos e a securitização. A proposta de securitização das dívidas está na Câmara dos Deputados e autoriza os estados a vender créditos que têm a receber dos contribuintes. Desde o primeiro encontro, pelo menos 20 governadores se uniram em defesa da aprovação do texto.

Outro ponto comum é o pedido de liberação de recursos do Programa de Recuperação Fiscal (Refis) para os estados.

Também estão na pauta dos estados reformas administrativas e tributárias. Em dezembro, o vice-presidente, Hamilton Mourão disse que é preciso melhorar a distribuição de receitas entre os entes federados, com redução do peso do governo federal nessa divisão. Para Mourão, os recursos têm que chegar aos estados para atendimento de demandas da população em diversas áreas.

Redação com Agência Brasil

Veja lista com contemplados no sorteio dos 300 apartamentos realizado em Cajazeiras

O sorteio das primeiras unidades habitacionais do Residencial Cajazeiras Rumo Certo I realizado na sexta-feira dia 15, contemplou 300 pessoas e ainda definiu 90 suplentes.
O sorteio obedeceu a seguinte ordem de grupos:

Idosos: 09 apartamentos sorteados e mais 03 pessoas sorteados para suplência;
Deficientes: 09 apartamentos e mais 03 pessoas sorteados para suplência;
Grupo I: 169 apartamentos sorteados e 50 pessoas sorteados para suplência;
Grupo II: 71 apartamentos sorteados e 21 pessoas sorteados para suplência;
Grupo III: 42 apartamentos sorteados e mais 13 pessoas sorteados para suplência.

Veja relação com os contemplados:








Ascom

Disfunção erétil: confira no que consiste o problema e as formas de tratamento

Urologista cita quais grupos estão mais suscetíveis a sofrer com a impotência sexual, quais as causas e os principais métodos de tratamento

A disfunção erétil, também chamada de impotência sexual, é um dos problemas que mais amedrontam o imaginário popular do homem. Caracterizada pela dificuldade de manter a ereção peniana, em ao menos metade das relações sexuais, ela acontece em função do desequilíbrio entre a contração e o relaxamento da musculatura lisa do corpo cavernoso do pênis, o que impede a ereção do órgão sexual masculino.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia (SBU), cerca de 50% dos homens com mais de 40 anos no país se sente (ou já se sentiu) incomodado com o o potencial de ereção do seu pênis, mas, será que realmente todo este quantitativo de pessoas sofre com esse problema?

Para falar sobre o assunto, e tirar dúvidas sobre os principais questionamentos a respeito do assunto, o Alô News conversou esta semana com o urologista André Yoicci. Membro da Sociedade Brasileira de Urologia, da Confederação Americana de Urologia e da Associação Europeia de Urologia, ele vai nos explicar quando é feito um diagnóstico de disfunção sexual, quais as suas causas, e como são aplicados os tratamentos para a resolução desse problema.

Confira agora, a entrevisa exclusiva da semana do Alô News:

Portal Alô News – (A.N): Primeiro, como diferenciar uma simples oscilação na ereção do pênis, que ocorre com diversos homens ao longo da relação sexual, com o problema da disfunção erétil? Quando procurar ajuda?

Dr. André Yoichi – (A.Y): O diagnóstico de disfunção erétil é dado quando ocorre uma incapacidade recorrente e persistente de ter e manter uma ereção peniana para um ato sexual satisfatório. Dificuldades e falhas eventuais podem acontecer com qualquer homem e em qualquer fase da vida, porém quando se torna repetitivo é recomendado que procure ajuda e orientação médica.

(A.N): Existem fatores de risco que induzem a uma maior tendência para a aquisição da disfunção erétil?

(A.Y): A disfunção erétil pode ser causada por diversos fatores, entre elas estão as doenças vasculares, o consumo de álcool e tabaco. Portanto aqueles que possuem o diagnóstico de doenças como hipertensão e diabetes e não fazem o tratamento adequado, obesos, sedentários, etilistas e tabagistas estão sob um risco maior de desenvolver a disfunção erétil de forma precoce.

(A.N): A disfunção erétil pode ter causas de diversas origens, que vão de traumas psicológicos até problemas cardiovasculares. É em todo cenário que o profissional de urologia deve ser requisitado? Quais os outros especialistas que podem trabalhar em parceria com ele?

(A.Y): Entre as causas de disfunção erétil podemos citar: distúrbios psicológicos; doenças hormonais, neurológicas e vasculares; efeito colateral de medicamentos e procedimentos cirúrgicos; sequela de acidentes com trauma craniano ou de medula; abuso de drogas como álcool e tabaco, além do próprio processo de envelhecimento. Paralelo ao diagnóstico de disfunção erétil o urologista procura investigar as possíveis causas da doença para definir o tratamento, em muitas situações a abordagem multidisciplinar contribuirá para um maior sucesso no tratamento, podemos citar como exemplo o acompanhamento em conjunto com psicólogos para sessões de terapia psicossexual, educadores físicos e nutricionistas para mudança de hábito de vida, cardiologistas para tratamento da hipertensão arterial, entre outros profissionais.

(A.N): O problema da impotência sexual está muito associado a homens mais velhos, geralmente com mais de 40 anos. No entanto, existem cenários em que jovens também podem sofrer com isso?

(A.Y): Este é um problema comum com o processo de envelhecimento do corpo, estima-se que metade dos homens com mais de 40 anos tenham algum grau de disfunção erétil, porém pode afetar os mais jovens, neste grupo são mais frequentes a associação com doenças ou traumas psicológicos.

(A.N): Pessoas que possuem um histórico de problemas uretrais ou no sistema reprodutor (infertilidade, por exemplo), podem ser mais suscetíveis a adquirir a disfunção erétil?

(A.Y): Apesar de serem doenças que afetam os órgãos genitais na maioria das vezes não existe esta correlação, os problemas uretrais estão relacionados em sua maioria a doenças sexualmente transmissíveis, já a infertilidade que também possui diversos fatores pode apresentar em algumas situações uma associação com disfunção erétil, um exemplo a ser citado é em casos de distúrbios hormonais que levam tanto a infertilidade quanto a impotência sexual.

(A.N): Se existem fatores que contribuem para alguém contrair o problema, é certo dizer também, que há formas de prevenção desse problema?

(A.Y): Muitas situações que aumentam o risco de disfunção erétil podem ser corrigidos ou prevenidos ao longo da vida, praticar exercícios físicos regulamente, hábitos alimentares saudáveis, manter um peso adequado, tratar e controlar adequadamente doenças crônicas como hipertensão e diabetes, reduzir o consumo de álcool e evitar o tabagismo são medidas que podem ajudar a prevenir ou retardar o surgimento da impotência sexual.

(A.N): Muitas pessoas confundem impotência sexual com a ejaculação precoce. Existe de alguma forma, uma associação entre esses dois problemas?

(A.Y): Estes dois problemas podem ocorrer de forma isolada ou infelizmente afetar o desempenho sexual de uma mesma pessoa, quando já existe um quadro de disfunção erétil pode haver uma insegurança e ansiedade pelo medo de perder a ereção durante o ato sexual e isso pode levar à ejaculação precoce.

(A.N): Quais as formas de tratamento a que mais são submetidos os pacientes com disfunção erétil?

(A.Y): O tratamento depende da causa que levou a disfunção erétil e por isso existe uma grande opção de tratamento que será indicado e adequado a cada situação, desde psicoterapia, reposição hormonal, medicações de uso oral, medicamentos injetáveis até cirurgias.

(A.N): O uso de próteses penianas ou a aplicação de injeções no pênis são recomendados em quais cenários? Esses métodos podem trazer efeitos colaterais?

(A.Y): Por se tratar de métodos considerados invasivos são geralmente reservados para situações em que outras medidas anteriores não foram capazes de solucionar a disfunção erétil, normalmente em quadros mais avançados. Porém, o paciente deve ser orientado sobre possíveis complicações de cada método como infecções em local de aplicação do medicamento ou apos a colocação de prótese, rejeição a prótese, entre outros.

(A.N): Qual a mensagem que o senhor deixa para quem sofre com esse problema, e tem receio ou timidez para tratar desse assunto com um profissional especializado?

(A.Y): A prevenção deste problema deve começar deste cedo com medidas que trazem melhor qualidade de vida como um todo. Infelizmente, durante o processo de envelhecimento algumas pessoas serão acometidas pela disfunção erétil afetando seu desempenho sexual e consequentemente prejudicando a sua autoestima. Visite seu médico regularmente e cuide com dedicação do seu maior bem, a saúde.

Fonte: alonews.

Aprenda a esconder as conversas no WhatsApp

A opção é útil caso você queira tirar da página principal algumas conversas e grupos antigos
Limpar a página principal de conversas no WhatsApp não é tarefa fácil. Por muito que fixe as suas conversas mais importantes no topo da lista, é possível encontrar grupos inutilizados e pessoas com quem já não fala.

Felizmente, existe algo que você pode fazer com estas conversas, como, por exemplo, escondê-las no arquivo do app de mensagens. Para o fazer, mantenha a conversa pressionada até que apareçam opções no topo da tela, pressionando o ícone de uma pasta com uma seta apontando para baixo. Isto fará com que a conversa seja arquivada e desapareça desta lista.

E se quiser recuperar a conversa? Não se preocupe, também é simples. Só é preciso ir ao fim da sua lista de conversas, pressionar a área que diz ‘Conversas arquivadas’ e, ao pressionar qualquer uma por um tempo, depois, escolher o ícone de uma pasta com a seta apontada para cima. Assim fará com que a conversa regresse à lista principal. Alonews.

O SUBSTITUTO: Eduardo Oinegue sucede Boechat no “Jornal da Band”, diz colunista

A Band definiu nesta sexta-feira (15) que o consultor e jornalista Eduardo Oinegue será o sucessor de Ricardo Boechat na bancada do “jornal da Band”. Segundo o colunista Ricardo Feltrim, do UOL, a mudança será a partir de março e ele também  deve ter um programa na BandNews FM.

Já o jornalista e comunicador Eduardo Barão terá a responsabilidade de suceder Boechat e ser o novo âncora matinal da Band News FM. Ele terá uma posição de maior comando na redação a partir da próxima segunda-feira (18) e em breve será âncora nacional das 7h às 9h, continuando a transmissão para São Paulo até às 11h.



Isto É

Veja concursos abertos na Paraíba de 17 a 24 de fevereiro

Nove editais de concursos abertos para prefeituras, câmara municipal e instituições de ensino superior oferecem 587 vagas de emprego na Paraíba de 17 a 24 de fevereiro. Confira.

Concurso da Prefeitura de Pedra Branca
Vagas: 47
Níveis: fundamental, médio e técnico
Salários: R$ 998 a R$ 7.500
Prazo de inscrição: até sexta-feira (22)
Local de inscrição: site da organizadora, Consulpam
Taxas de inscrição: R$ 60 (fundamental), R$ 90 (médio) e R$ 150 (superior)
Provas: 24 de março

Concurso do IFPB para técnico-administrativo

Vagas: 36

Níveis: médio; médio e técnico; e superior
Salários: de R$ 1.945,07 a R$ 4.180,66
Prazo de inscrição: até 25 de fevereiro
Local de inscrição: página do IFPB na internet
Taxas de inscrição: R$ 100 (nível médio) R$ 130 (médio e técnico) e R$ 150 (superior)
Provas: 31 de março de 2019

Concurso do IFPB para técnico-administrativos (tradutor e intérprete)
Vagas: 2
Nível: médio completo e proficiência em libras
Salário: R$ 2.446,96
Prazo de inscrição: até 25 de fevereiro
Local de inscrição: página do IFPB na internet
Taxas de inscrição: R$ 130
Provas: 14 de abril

Concurso da UFPB para técnico-administrativo
Vagas: 131
Níveis: médio, médio e técnico e superior
Salários: R$ 1.945,06 a R$ 4.180,66 mais auxílio
Prazo de inscrição: até 25 de fevereiro
Local de inscrição: site da organizadora, Instituto AOCP
Taxas de inscrição: R$ 45 (nível intermediário), R$ 60 (nível médio) e R$ 85 (nível superior)
Provas: 7 de abril de 2019

Concurso da Prefeitura de São José de Caiana
Vagas: 52, sendo 14 para pessoas com deficiência
Níveis: fundamental, médio e técnico
Salários: R$ 998 a R$ 12 mil
Prazo de inscrição: até 28 de fevereiro
Local de inscrição: site da organizadora, Funvapi
Taxas de inscrição: R$ 50 (nível fundamental), R$ 70 (médio/técnico), R$ 100 (superior)
Provas: 31 de março

Concurso do IFPB para professores
Vagas: 90
Nível: superior
Salário: de R$ 4.892,44 a R$ 9.600,92
Prazo de inscrição: até 7 de março
Local de inscrição: página do IFPB na internet
Taxas de inscrição: R$ 150
Provas: 2 de junho

Concurso da Prefeitura e da Câmara de Curral Velho
Vagas: 33 | 4
Níveis: alfabetizado, fundamental, médio, técnico e superior | fundamental e médio
Salários: R$ 998 a R$ 8 mil | R$ 998
Prazo de inscrição: até 10 de março
Local de inscrição: site da organizadora, Conpass
Taxas de inscrição: R$ 60 (alfabetizado e nível fundamental) R$ 80 (médio e técnico) e R$ 100 (superior)
Provas: 14 de abril de 2019
Editais: Prefeitura e Câmara

Concurso e seleção da Prefeitura de Cajazeiras
Vagas: 193
Níveis: fundamental, médio e técnico
Salários: R$ 998 a R$ 3.850,95
Prazo de inscrição: até 17 de março
Local de inscrição: site da organizadora, Idib
Taxas de inscrição: R$ 70 (fundamental), R$ 100 (médio), R$ 130 (superior)
Provas: 28 de abril



G1