Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

12 Sinais que você precisa saber para identificar um psicopata

A palavra psicopata muitas vezes é dissociada do seu sentido real, muitos confundem e acreditam que psicopatia se refere somente a criminosos como assassinos em série. Na verdade psicopatia é uma condição e não um sinônimo de criminoso.

Basicamente psicopata é uma pessoa que não tem a capacidade de discernir sentimentos. São pessoas que não tem sentimentos num sentido básico, são incapazes de sentir amor, culpa ou compaixão.

Sabendo disso percebemos que podemos conhecer pessoas que tem esse distúrbio e não fazemos ideia. Nem todos os psicopatas são assassinos, mas podem se aproveitar de não ter sentimentos para se dar bem em cima das pessoas que os cercam.

Confira a seguir 12 sinais que podem te ajudar a identificar um psicopata.

12 sinais para identificar um psicopata
1. Emoções forçadas
Psicopatas não têm emoções de complacência e por isso precisam o tempo todo atuar para que os demais não percebam que eles são alheios aos sentimentos.

Exatamente por isso há a tendência de que psicopatas tenham reações demasiadamente exageradas diante de um acontecimento aparentemente sem importância e nem liguem para algo realmente difícil de encarar.


2. Desprezo
Podemos dizer que o sentimento que domina a vida de um psicopata é o desprezo, e na medida do possível essas pessoas disfarçam isso.

Contudo, não dá para atuar o tempo todo, e em alguns momentos de sinceridade os psicopatas demonstram que não se importam com o sofrimento alheio através de expressões faciais ou mesmo por palavras.


3. Sensualidade elevada
Os psicopatas são bastante narcisistas e gostam de sentir que estão no domínio da situação. Por isso é natural que sejam pessoas com sensualidade destacada, podem até não ter a beleza tradicional, mas criam jogos que envolvem seus parceiros de tal modo que eles não conseguem terminar a relação.

O jogo é o que diverte o psicopata.


4. São autoconfiantes até demais
Muitas vezes a autoconfiança demasiada dos psicopatas pode ser interpretada como arrogância. Porém, eles têm tal sentimento de superioridade em relação aos demais que acabam se mostrando vaidosos.

Eles têm sempre a ideia de que nunca serão apanhados fazendo algo que seja errado.


5. Excelentes mentirosos
Pessoas com esse distúrbio são capazes de dizer duas coisas contraditórias em sequência olhando nos olhos do seu interlocutor de maneira que as duas pareçam verdadeiras.

A capacidade de mentir é inerente a pessoas que tem psicopatia. Em muitos casos essas pessoas podem até mesmo mentir que são médicos ou advogados, chegando mesmo a atuar nas profissões causando uma série de malefícios para terceiros.


6. Falta de sentimento de culpa ou remorso
Um psicopata é incapaz de sentir culpa ou remorso, então sempre que demonstra tal sentimento o faz somente por meio de palavras.

Como precisa encenar, desde muito cedo o psicopata aprende como fazer com que as outras pessoas realmente acreditem que ele está sentindo de verdade.

Além disso, pessoas que apresentam psicopatia não tem medo de serem punidos pelo que fizeram já que acham que não serão pegos.


7. Contradição ambulante
A contradição é uma constante na vida de um psicopata, numa semana ele pode se mostrar bastante sentimental em relação a animais que são abandonados na rua e na semana seguinte demonstrar raiva de pessoas que defendem esses mesmos animais.

Geralmente essas pessoas possuem duas faces, sendo uma muito dócil e amável e a outra dura e agressiva.


8. Histórico agressivo na infância
Muitos psicopatas podem ser identificados com tal condição desde a infância, é bastante comum que essas pessoas apresentam comportamento maldoso e cruel ainda pequenos porque não aprenderam que isso é socialmente repreendido.

Dentre os mal feitos que podem ser atribuídos a crianças com distúrbios estão torturas a animais pequenos e até mesmo pequenas maldades para coleguinhas.


9. Psicopatas dormem menos
O tempo necessário de descanso por noite varia de pessoa para pessoa, porém, para os psicopatas esse tempo pode ser bastante reduzido algo em torno de 4 ou 5 horas.

Isso porque eles sentem que é um desperdício dormir e preferem ficar acordados mesmo que seja apenas pensando.

10. Falta de empatia
A empatia é a capacidade de se colocar no lugar do outro e compreender os seus motivos para suas atitudes.

Pessoas com psicopatia não possuem essa capacidade e entendem os outros como meros peões em seu jogo de xadrez.

Quando existe a criação de algum laço entre um psicopata e outra pessoa é por possessividade e não por amor.


11. Bem articulados
O cinema nos fez acreditar que os psicopatas são pessoas bonitas e que se vestem com grifes, mas na verdade não precisa ser assim necessariamente.

Essas pessoas tendem a ter um magnetismo pessoal muito grande, atrai as pessoas mais vulneráveis que acabam sendo manipuladas.

Costumam ser pessoas muito inteligentes e bem articuladas que podem explanar sobre qualquer tema.

12. Não são confiáveis
Com todas as características que listamos acima é fácil entender porque um psicopata não é confiável.

Para quem tem esse distúrbio, enganar e mentir é quase um esporte que precisa ser praticado a todo momento.

Os psicopatas não sentem remorso, mas sabem a diferença entre certo e errado, porém, ainda assim cometem crimes e enganam pessoas de boa fé.







R7



OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM