Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Tovar Correia Lima (PSDB) lamenta explosão de banco em Areia e cobra governo: “Cenas de horror”

Resultado de imagem para Tovar Correia Lima (PSDB)
O município de Areia viveu momentos de terror na madrugada desta sexta-feira (28), quando um grupo de 15 homens armados encurralaram policiais, metralharam a sede da Polícia Militar, fizeram reféns e explodiram o banco da cidade. “Na Paraíba a população está refém do medo, policiais são desmoralizados e mortos por bandidos e cidades do interior não podem mais ter banco. Enquanto isso, o governador prega que está tudo em paz e ainda retira dinheiro da segurança para pagar dívidas. Ricardo Coutinho precisa ter respeito com a vida dos paraibanos e responsabilidade com dinheiro público”, criticou o deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB).

O deputado também criticou o Governo do Estado por abrir crédito suplementar, que supostamente relocará dinheiro da segurança pública. “É inacreditável, mas o governador teve a capacidade de tirar o pouco dinheiro para policiamento ostensivo, aquisição e manutenção de armas e munições e remanejar para pagar folha de pessoal. Não podemos admitir isso, pois nossos policiais também estão sendo acuados e mortos e a população não se sente mais segura”, comentou.

De acordo com a Polícia Militar, cerca de 15 homens armados com fuzis invadiram a cidade em carros e motos. Uma parte do grupo foi para frente do destacamento da Polícia Militar e atirou contra o prédio e uma viatura. Estudantes universitários foram feitos reféns no momento em que passavam pela rua da agência. Os criminosos arrombaram o banco, explodiram e levaram o cofre com o dinheiro.

Na última quinta-feira (27) pelo menos 20 assaltantes atacaram uma agência bancária e uma lotérica na cidade de Tacima, na região do Cariri paraibano. Segundo informações da Polícia Militar, a quadrilha chegou à cidade, que fica na divisa com o Rio Grande do Norte, fez um escudo humano com os vigias que estavam na rodoviária, explodiram o cofre da agência bancária e arrombaram uma agência lotérica.

Até o dia 27 de outubro o Mapa da Violência contra bancos já tinha registrado 85 ocorrências contra agências, mas este número já está desatualizado, pois já foram registrados mais dois roubos. Desse total, foram 49 explosões, 27 arrombamentos, três assaltos, três tentativas e três saidinhas de banco.

MaisPB

OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM