Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Justiça investiga denúncia de contratações irregulares pelo prefeito de Cabedelo

Resultado de imagem para leto viana
O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Cabedelo (Sindcab) denunciou à 57ª Zona Eleitoral irregularidades do prefeito da cidade, Leto Viana, durante o período de campanha. O Sindicato denunciou várias contratações e exonerações em período vedado pela Justiça Eleitoral.

O juiz da 57ª Zona, Antônio Silveira Neto, informou à equipe de reportagem do ClickPB que existe um procedimento tramitando na fase inicial de apuração. “A Justiça está aguardando informações do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba para verificar se essas denúncias procedem ou não”, explicou Silveira Neto.

Caso haja procedência na denúncia, o caso deve passar para o ministério Público e lá, eles podem pedir mais investigações ou fazer as denúncias necessárias para dar andamento ao processo, de acordo com o titular da 57ª Zona Eleitoral.

O sindicato denuncia que houve exoneração de servidores contratados ao mesmo tempo em que foram contratados vários servidores durante o período eleitoral, em que é vedada esta prática. De acordo com a denúncia, foram feitos vários remanejamentos e inclusive criados cargos em comissão para transferir os servidores contratados em comissionados.

Além das supostas contratações irregulares, também foi denunciado abuso do poder econômico no período eleitoral e alguns favorecimentos.

No documento os sindicalistas ainda pediram que seja ratificada ao Tribunal de Contas do estado a relação e justificativa das contratações do período vedado, com suas respectivas secretarias e função.

O Sindcab ainda informou ter enviado cópias das denúncias para a Polícia Federal, Procuradoria Geral Eleitoral, Corregedoria do Tribunal de Contas do Estado e Tribunal Regional Eleitoral.




redação

OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM