Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Polícia apreende menores suspeitos de matar universitária em JP

A Polícia Militar apreendeu no início da tarde desta sexta-feira (17) dois suspeitos pelo assassinato da estudante Meirylane Thaís, 19 anos, assassinada com um tiro durante um assalto ocorrido no início da noite da última quarta-feira (15), no Centro de João Pessoa.

De acordo com a polícia, os suspeitos são dois menores de 17 anos que foram apreendidos na comunidade Porto do Capim no Varadouro.

Um dos menores confessou que matou a estudante porque ela esboçou reação no momento em que ia entrega o relógio.

"O adolescente contou que eles estavam atrás de dinheiro para ir a uma festa, aí disse que quando passaram pela jovem, o garupa mandou que ele voltasse para roubar o celular dela e que só escutou o disparo, tendo questionado momento depois da fuga se ele tinha matado a garota”, disse o capitão Souza, que coordenou a operação para apreender os acusados.

O secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Cláudio Lima, acompanha o caso e aguarda a apresentação do menor.

A estudante universitária Meirylane Thaís foi assassinada com um tiro na cabeça após supostamente reagir a uma tentativa de assalto. O crime aconteceu quando a vítima caminhava para uma universidade particular, onde cursava Biomedicina.

De acordo com a polícia, a universitária estava acompanhada por uma amiga quando foi abordada por dois homens em uma moto.

Um dos bandidos sacou a arma e ordenou que a vítima entregasse sua bolsa e relógio. Logo em seguida, o suspeito efetuou um disparo que atingiu a cabeça da vítima.





WSCOM com Aguinaldo Mota

OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM