Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Prefeito de Mari/PB avalia os primeiros 40 dias de gestão e faz projeção para os próximos 60 dias

O prefeito de Mari, Zona da Mata da Paraíba, Antonio Gomes, reuniu auxiliares na noite desta sexta-feira (10) para uma avaliação dos primeiros 40 dias de governo. A reunião foi acompanhada pela vice-prefeita Karina Melo, pela Primeira Dama Rosineide Cunha, por vereadores, aliados e pela imprensa.
Antonio Gomes fez uma explanação da real situação do município e não deixou de citar a administração passada ao justificar diversos problemas enfrentados na atualidade e colocou como exemplo um caso do último concurso público realizado no município, onde o edital constava 7 vagas para o cargo de auxiliar de serviço, depois da eleição o então prefeito chegou a convocar 28 pessoas, com o único intuito de inchar a folha de pagamento para inviabilizar a gestão sucessória.
O Prefeito afirmou que os objetivos da atual gestão é buscar alavancar os indicadores sociais e econômicos do município e disse não abrir mão de acompanhar o desempenho do trabalho de seus auxiliares. “Nossa meta é alavancar os indicadores, disso não vamos abrir mão”, cobrou.
A geração do emprego e renda foi outro ponto bastante discutido pelo prefeito. Emocionado, Antonio Gomes disse que esses primeiros dias de governo foi de muito sofrimento. “Administrar uma das cidades mais pobres da Paraíba, onde as pessoas precisam de trabalho para sustentar a família e você não ter uma resolução imediata é muito triste, eu sofro com isso”, desabafou.
Apesar de todas essas dificuldades, o prefeito elencou algumas ações que estão sendo desenvolvidas pela administração e projetou os próximos 60 dias de muito trabalho em todas as áreas de atuação.
Saúde – Segundo o prefeito são 9 unidades do PSF’s funcionando em sua plenitude, a policlínica funcionando com desempenho positivo, buscando melhorar a cada dia. A distribuição de medicamentos controlados passando a ter a normalidade em sua distribuição, dentre outras ações que humanizam a área de saúde.
Educação – O prefeito não poupou críticas a forma como foi entregue a pasta. “Até as carteiras eles levaram e deixaram amontoadas no sol e chuva em uma escola do estado, pra não deixar no município”, disse Antonio.
O Prefeito projetou que o número de alunos deve aumentar consideravelmente este ano e fez uma estimativa de que a rede municipal deve passar dos 2.500 alunos matriculados. Para esses alunos o gestor garantiu o fardamento escolar, além de confirmar o sorteio de uma motocicleta 0 km com os pais que matricularem seus filhos na rede oficial do município.

Sobre as creches, o prefeito anunciou o relançamento do programa Brasil Carinhoso e disse que foram encontradas 5 salas de aulas fechadas, mas que pretende abrir todas esse ano, garantindo fardamento, alimentação de qualidade e cuidados especiais para os filhos dos marienses que necessitem trabalhar e deixarem seus filhos nas creches. A meta, segundo o gestor, é chegar a pelo menos 200 alunos matriculados no maternal.
Aos professores, o Prefeito Antonio Gomes dirigiu uma mensagem de incentivo e afirmou que está estudando e logo em breve vai anunciar como será resolvido os recursos do antigo Fundef que os professores há anos cobram a resolutividade desse problema.
Desenvolvimento Humano e Social e Agricultura – Já foram encaminhados alguns projetos nessa área, a exemplo do projeto da plantação do Cajú, piscicultura e convênios com a Conab para doação de 2 toneladas de sucos, bem como convênio com o MP para execução do projeto Menina Abusada.
A feira Agroecológica, reforma do CAPS, a Casa da Cidadania, que está para ser implantada, dentre outras ações.
Antonio Gomes anunciou que enviou projeto ao Banco Mundial no sentido de captar cerca de R$ 10 milhões para a urbanização da área do açude do estado até o antigo chuveirinho e que deve participar de um evento no México onde deverá apresentar a realidade do município.
Infra Estrutura e Obras – Para o prefeito, essa é uma área que merece atenção, tanto que tem acompanhado de perto o trabalho de coleta de lixo e limpeza da cidade. “Encontramos a cidade suja, as ruas tomadas de lixo e de metralhas, mas não ficará uma metralha na rua até o final desse mês, sem falar  na limpeza que está sendo feita rigorosamente”, assegurou.
A rua da lama foi outro assunto abordado pelo Prefeito Antonio Gomes. “A rua da lama vai deixar de se chamar rua da lama e vai passar a se chamar rua da felicidade, estou garantindo que vou realizar a drenagem daquela rua e calçar 100% o Bairro Silvino Costa”.
Ao final da reunião Antonio Gomes fez uma convocação aos auxiliares, vereadores e aliados, para que todos ajudem a gestão a mudar a vida das pessoas, porque Mari não suportava mais tanta perseguição e ódio. “Mari agora precisa de paz e harmonia, vamos esquecer as mágoas, quebrar o retrovisor e unidos vamos ajudar a mudar a qualidade de vida daqueles que mais precisam”, finalizou.
A reunião foi coordenada pelo Assessor de Comunicação do município, Luiz Carlos de Lima, que também foi oficializado no cargo na sexta-feira (10).




 ExpressoPB

OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM