Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Paraíba se destaca no país na produção de leite de cabra

Paraíba se destaca no país na produção de leite de cabraEstes resultados obtidos são provenientes de uma série de ações que o governo implementa a partir de uma ação conjunta entre Emater e Emepa (integrantes da Gestão Unificada), que desenvolvem pesquisas, como por exemplo, sobre a transferência de tecnologia, a suplementação alimentar preparada em blocos multinutricionais e palma forrageira. Estudos que ajudam a manter o rebanho em período de estiagens.

Na última sexta-feira (3), a cadeia produtiva do leite de cabra paraibana ganhou mais um reforço. O empresário Marcos Guedes, da Laticínios Isis, firmou compromisso de compra de leite de cabra dos agricultores de Coxixola.

A ação aconteceu durante reunião de avaliação do Contrato 178/13 da Chamada Pública do Leite, executada pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB), na região dos Cariris Oriental e Ocidental, que beneficia mais de mil famílias agricultoras de 28 municípios.

Na Paraíba, é nas regiões do Cariri, Sertão e Curimataú que a caprinovinocultura se tornou a principal atividade agropecuária e econômica. Em Coxixola, por exemplo, dezenas de famílias agricultoras tiram o seu sustento da comercialização do leite de cabra, vendido hoje por R$ 1,99 o litro. O rebanho total do município é de 27.500 cabeças, sendo 14.900 caprinas 12.600 de ovinos.

Segundo dados do IBGE de 2012, a Paraíba conta com um rebanho caprino de mais de 470 mil animais. Somente a região dos Cariris Oriental e Ocidental conta com um plantel de cerca de 250 mil cabeças caprinas.

Na Paraíba, existe uma rede de tanques de resfriamento ligados aos laticínios que fazem a captação do leite in natura nesses próprios laticínios e nas comunidades rurais, onde passa pelo processo de pasteurização. Em seguida, vai para as câmaras frias ou de congelamento e daí distribuídos para os consumidores.













Paraibaonline


OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM