Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Raniery defende Manoel Junior como candidato do PMDB, caso Cartaxo não dispute governo

O deputado estadual, Raniery Paulino (PMDB), disse que o atual vice-prefeito, Manoel Junior, se coloca com um potencial pré-candidato a governador no ano que vem, caso o prefeito Luciano Cartaxo (PSD) decida não ser candidato. Em entrevista ao 'Rede Debate', da RCTV (canal por assinatura do Sistema Correio de Comunicação), Raniery defendeu uma candidatura própria da legenda ao governo do estado em 2018.
Ele defendeu que o PMDB entregue os cargos que detém no governo do estado e na prefeitura de João Pessoa. O deputado admitiu que o melhor nome que a legenda peemedebista dispõe é o do senador José Maranhão.

Ele salientou a necessidade do PMDB defender a gestão de Michel Temer e assumir a pauta dos bons temas. Raniery advogou que os três pontos mais duros do governo Michel Temer seriam as reformas da Previdência, da aposentadoria e um eventual aumento de tributos. Segundo ele, "o governo Ricardo Coutinho, na Paraíba já fez mudanças nesses três pontos e ainda se agarra num discurso de oposição ao governo Temer".

O deputado estadual ironizou o "socialismo liberal" do PSB da Paraíba com a antiga Arena comandando a Casa Civil (uma referência ao ex-senador Efraim Morais). Raniery prevê baixas na bancada governista, "porque são apoios de ocasião e acabam quando acabar a expectativa de poder do atual governador".
Em 2015, segundo ele, houve "uma pedalada" do governo do estado, quando foram retirados R$ 80 milhões da previdência estadual para cobrir o pagamento de servidores estaduais.

 Portal Correio

OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM