Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Relatório da PF aponta que Pezão recebeu R$ 470 mil em propina de operador de Cabral

Sérgio Cabral e Luiz Fernando PezãoUm relatório da Polícia Federal (PF), com base em documentos apreendidos na casa do operador Luiz Carlos Bezerra, aponta que o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) teria recebido R$ 470 mil de propina entre fevereiro de 2013 e março de 2014. O dinheiro seria oriundo do esquema de corrupção supostamente comandado pela ex-governador Sérgio Cabral (PMDB).

As anotações de Bezerra trazem quatro pagamentos direcionados a “Pezão”, “Pezone” e “Big Foot”. A PF interpretou as informações como uma “provável referência” ao governador. Ontem, durante depoimento ao juiz Marcelo Bretas, Bezerra foi questionado sobre uma série de codinomes usados pelo grupo, mas não houve pergunta sobre Pezão. O governador tem foro no Superior Tribunal de Justiça e não pode ser investigado pela primeira instância. O dinheiro teria sido repassado nos dias 29 de novembro de 2013, 2 de dezembro de 2013, 19 de dezembro de 2013 e 7 de março de 2014.

Em nota, Pezão afirmou que "suas contas já foram analisadas em processos anteriores da Polícia Federal, e estes foram arquivados". O governador reforçou que "continua à disposição da Justiça para prestar todos os esclarecimentos a respeito das investigações"

OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM