Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Mensagens de celular mostram namoro conturbado de jovem morta em João Pessoa


Resultado de imagem para Mensagens de celular mostram namoro conturbado de jovem morta em João Pessoa
Registros de mensagens da jovem de 20 anos, Luana Alverga, morta com um tiro de espingarda disparado pelo próprio namorado, apontam que o casal estava passando por um momento conturbado no relacionamento. As mensagens que são do celular de Luana e foram salvas no computador dela, foram achadas pela prima da vítima após um a investigação a parte da polícia.

A jovem morreu no final da tarde de domingo (23) após ser atingida na cabeça por um tiro de espingarda durante uma festa na casa da família do namorado, no bairro do Roger, em João Pessoa. Segundo informações da Polícia Militar, o namorado da vítima, que também tem 20 anos, apontado como suspeito.


A prima de Luana, Tatiana Ramalho informou a reportagem da TV Cabo Branco que contratou um técnico de informática para ter acesso a prints de conversas entre a prima e o namorado. Nas conversas salvas no computador, Tatiana diz ter encontrado diálogos que remetem a traição e um possível fim do relacionamento.

O estudante suspeito de matar a namorada teve a prisão preventiva decretada pelo juiz-auxiliar José Márcio Rocha Galdino, durante audiência de custódia, na segunda-feira (24). O jovem está no Presídio do Róger até que o inquérito policial seja concluído, já que ele não tem curso superior.

Tatiana Ramalho informou ainda que vai encaminhar todas as mensagens para o advogado da família, que por sua vez, deve repassar o conteúdo para o delegado avaliar e, se for o caso, anexar ao inquérito.

Neste sábado (29), os familiares e amigos de Luana Alverga vão estar reunidos na Igreja Nossa Senhora de Lourdes, no bairro Jaguaribe, para participar da missa de sétimo dia da morte da jovem - 








G1.

OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM