Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Município de Mari, através do CRAS, realiza curso de confeccionador de bijuteria.

 Com o objetivo de qualificar profissionalmente e propiciar geração de renda a gestão municipal, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano, em parceria com o Governo Federal, realiza curso de confeccionador de bijuterias para o público beneficiário do Programa Bolsa Família.
O curso está sendo ministrado pela orientadora Mônica Ferreira no CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), e teve início ontem (24), e terá duração de 40h, com previsão para conclusão no dia 04 de agosto. Ao final do processo de capacitação, as cursistas estarão aptas para confeccionar e organizar seus empreendimentos, assim poderão garantir uma renda extra no orçamento doméstico.

O Curso de confeccionador de bijuteria reforça o compromisso da Gestão Municipal em contribuir para a qualificação profissional dos munícipes, assegurando um reforço financeiro e uma considerável mudança na qualidade de vida dos beneficiários do PBF -Programa Bolsa Família. 
“São políticas públicas que tem visado minimizar os problemas de nossa população. Além disso, representa sem dúvida, possibilidades de inserção das pessoas em processos de capacitação para atuarem como agentes nas mudanças tão necessárias à promoção do desenvolvimento socioeconômico das famílias envolvidas. Devemos estar permanentemente conectado com as necessidades sociais e econômicas de nossa gente, na promoção do desenvolvimento, contribuindo para atender às demandas existentes, assim como fomentar as potencialidades criativas do nosso povo”, afirmou o Secretário de Desenvolvimento Humano, Severino Ramo. 

“A organização curricular está elaborada de forma sequencial e objetiva, cujo intuito é facilitar o entendimento dos princípios teóricos e práticos para desenvolver a atividade de Confeccionador de bijuterias. No entanto, pode haver adaptações para melhor atender a turma, uma vez que a atividade de confeccionador de bijuterias oferece oportunidade de aprendizado teórico inserido na prática”, disse a orientadora, Mônica Ferreira.








ASCOM 




OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM