Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

Deputada tucana vai ao Conselho de Ética contra deputado sexista que a chamou de “gostosa”

Uma situação constrangedora aconteceu durante a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer, na Câmara dos Deputados, nesta quarta-feira. A parlamentar Shéridan Oliveira (PSDB-RR) foi chamada de “gostosa” por um colega no início da contagem de votos.

Neste sábado, a deputada avisou que representará contra o “ofensor”.
Ela não se acha gostosa.

Oitava deputada a ser chamada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), Shéridan não estava no Congresso durante a votação. “Deputada Shéridan”, disse Maia. Em seguida, um homem gritou: “Gostosa!”. Maia ignorou a fala sexista e disse o nome da colega mais uma vez antes de confirmar sua ausência.

As câmeras da TV Câmara não mostraram quem chamou de “gostosa” a deputada de 33 anos. Ex-primeira-dama de Roraima, Shéridan foi eleita deputada federal em 2014.

 Redação

OUÇA A RADIO KEBRAMAR FM