Publicado:
Postador Por Rembrandt Carvalho

RR diz que apoio a Lucélio independe de Micheline na vice

Romero diz que apoio a Lucélio independe de Micheline na vice
O prefeito Romero Rodrigues, de Campina Grande, concedeu entrevista à Rádio Cabaceiras FM, no início da tarde deste sábado, 2, dentro da agenda de visita à Festa do Bode Rei, realizada neste final de semana naquele município do Cariri. Durante a entrevista, na companhia do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), do deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB), do deputado estadual Manoel Ludgério Neto (PSD) e do vereador Nelson Gomes Filho (PSDB), Romero reafirmou seu apoio incondicional à candidatura de Lucélio Cartaxo (PV) para o Governo do Estado este ano.

Em resposta aos radialistas Patrícia Ramos e Lúcio Meneses, Romero Rodrigues assegurou que, embora sua esposa Micheline Rodrigues tenha o nome frequentemente lembrado para compor a chapa majoritária encabeçada por Lucélio Cartaxo, sua participação e empenho na campanha estadual este ano independe de ela ser indicada ou não como candidata à vice-governadora pelas oposições.

Durante a entrevista também, Romero voltou a explicar as razões para o adiamento na abertura do Maior São João do Mundo este ano. Basicamente expôs, com detalhes, o que argumentou durante a entrevista coletiva no último dia 29 de maio: os efeitos danosos do ponto de vista econômico e de logística provocados pela greve dos caminhoneiros comprometeu sensivelmente vários setores da iniciativa privada envolvidos com a realização do evento. “Foi mais prudente adiar por oito dias e manter os 30 dias da festa”, observou ele.

Em sua participação no programa Cabaceiras em Debate, Romero destacou o trabalho administrativo realizado nos dois mandatos, apesar das enormes dificuldades enfrentadas pelos municípios brasileiros nos últimos anos, assegurando que foi a grande honra de governar Campina Grande e corresponder à confiança do povo da cidade que o levaram a desistir de sair candidato a governador este ano.





Wscom